Etiquetas

,

Ao contrário do que vai fazer o cardeal Cerejeira Policarpo, a minha peregrinação vai ser em Lisboa e pretende acabar com a agonia do povo, para promover a retoma da democracia.

Às 15h30 estarei na Alameda D. Afonso Henriques e quando terminar a manifestação frente à Assembleia da República irei juntar-me à festa comício na Praça de Espanha.

É que ao contrário do “bom” pastor lisboeta, isto não vai lá com rezas e mezinhas e muito menos com a aceitação resignada de mais pobreza para os mesmos e do monopólio da caridade para quem explora, ou ajuda a explorar, o povo português.

Anúncios