Etiquetas

O ministro da educação, fazendo aquilo melhor sabe – falar às massas ignaras -, elucidou os participantes da universidade de verão que a escola serve para aprender.

Como antes dele, e segundo o próprio, a escola servia para tudo menos para esse desígnio, estamos perante uma descoberta relevante, que esclarece os mal-dizentes sobre as enormes qualidades “investigativas” de Nuno Crato, a ponto de se poder comparar a um verdadeiro Nobel – o inventor da pólvora.

Advertisements