Etiquetas

Muitos dos que se reclamam defensores do profissionalismo docente apontam o dedo contra os sindicatos, por considerarem que não defendem os professores e a profissão, estando ao serviço de outras agendas.

Curiosamente, são também estes defensores da profissão que mais se insurgem contra a avaliação inter-pares e acusam os sindicatos de se baterem pela auto-avaliação e pela avaliação pelos pares, apenas por razões corporativas e de facilitismo.

No entanto, atendendo a que só os profissionais possuem a competência e o direito para usar os seus conhecimentos, só eles pertencem legalmente ao grupo que possui o direito exclusivo os de usar, o que implica que só os profissionais são capazes de avaliar o trabalho de seus pares. É por isso que a competência ou a incompetência de um profissional só podem ser avaliadas pelos seus pares.