Etiquetas

,

Na sequência da notícia sobre a disponibilidade do PSD mudar tudo na educação, esquecendo-se convenientemente de incluir nesse “tudo” o decreto sobre a administração e gestão escolar, surgiram diversas vozes críticas desse “esquecimento”.

Mas logo de seguida, tentando branquear um passado escuro como breu que MFL tem, no que à educação diz respeito, logo apareceram vozes tentando jogar tudo à molhada e afirmando que também da parte dos sindicatos não se ouvem críticas ao modelo centralista do 75/2008. Claro que a coisa começou com afirmações genéricas, do género «os sindicatos também nada dizem», para aos poucos evoluír para acusações e insinuações, que apesar de mais veladas, não deixam de ser caluniosas e visam concretamente a única federação sindical que desde sempre tem uma posição clara sobre o assunto.

E se alguém andar esquecido ou tiver dúvidas, poderá consultar esta pequena lista de exemplos:

Anúncios