Escrito por José Luiz Sarmento, para ler aqui um texto de uma lucidez e de uma qualidade que rebenta com qualquer quota de “excelência”.